Conheça Nossa Loja Virtual!

Comprar Aqui
Marca Chácara Flor da Suissa 41 3286.4948

10.08.21

Como ter frutíferas em vaso

Não há experiência mais agradável do que colher uma fruta direto do pé e comê-la. Mas hoje os terrenos estão cada vez menores e não sobra mais espaço para aquela frondosa frutífera que sua vó tinha em seu quintal.

Saiba que com os cuidados adequados podemos ter muitas frutas, mesmo em um modesto apartamento, seguindo as dicas a seguir:

  1. Escolha da espécie: Nem todas as espécies conseguem se desenvolver em vasos, embora o leque de opções não seja tão pequeno assim. Espécies como Jabuticaba, Pitanga, Uvaia, Romã, Acerola, Figo, Mirtilo, Amora, Pêssego, a grande maioria das cítricas podem ser plantadas em vasos. Até frutíferas trepadeiras, como uva ou maracujá podem produzir bem em vasos, desde que tenham suporte adequado em treliças.
  2. Escolha do Vaso: Quanto maior o vaso, mais se desenvolverá sua frutífera. Opte por vasos grandes, de no mínimo 60L. Não esqueça de fazer a drenagem adequada no fundo do vaso com argila expandida e manta de bidim.
  3. Substrato: Usar um substrato bem drenado e com boa retenção de água e nutrientes é importante para qualquer planta em vaso. O substrato Forth Condicionador Floreiras, vendido em sacos de 20Kg, atende todos esses requisitos.
  4. Luminosidade: É necessário que a sua frutífera tome pelo menos 6 horas de sol por dia, portanto escolha um local adequado para plantá-la, em varandas, sacadas ou, se dentro de casa, próximo de janelas bem grandes.
  5. Rega: Frutíferas em vaso precisam de muita rega para produzirem bem, de duas a três vezes por semana. Algumas espécies mais exigentes, como a jabuticaba e a pitanga requerem regas diárias.
  6. Adubação: Em um vaso a planta não consegue buscar todos os nutrientes que precisa para frutificar, por isso é necessária a adubação frequente para repor esses nutrientes. Um dos adubos que pode ser utilizado é o Forth Frutas, a cada 15 dias, diluindo 10g de adubo a cada 1L de água.

16.05.19

Como Plantar Frutíferas

 Todos concordam que não há nada melhor do que comer uma fruta colhida diretamente do pé, mas para ter um pomar cheio de frutas, alguns cuidados na hora do plantio devem ser considerados para que a planta não sinta muito desgaste no transplante.

   A época ideal para o plantio das frutíferas é no inverno, nesse período a grande maioria das plantas entram em dormência, sentindo menos o transplante. Além disso, como é uma época mais fria a planta transpira menos, retendo mais água, consequentemente aumentando a chance de sucesso no plantio.

   O cuidado com a cova também é importante na hora do plantio, a cova deve respeitar o tamanho do vaso ou saco em que a frutífera está, entretanto não pode ser menor que 40cm de diâmetro. As covas devem ser de preferência quadradas para melhor penetração das raízes na terra. Antes do plantio o vaso ou saco deve ser retirado do torrão da planta e as raízes que estão na base do torrão devem ser retiradas, uma vez que estas já estão emaranhadas. Utilize uma terra preparada ou condicionador para completar a cova.

   Além disso uma boa adubação é fundamental para que a frutífera traga o resultado esperado. Na hora do plantio é importante misturar calcário na terra, uma vez que nosso solo é naturalmente acido, o calcário irá corrigir o pH do solo. Na hora do plantio utilize adubos com mais nitrogênio (N) ou equilibrados, como o 10.10.10, para favorecer o crescimento da planta. Quando for o período de frutificação da planta utilize fertilizantes ricos em fósforo (P), como adubos específicos para frutificação e floração ou o 04.14.08, o fósforo incentiva a floração e consequentemente frutificação da planta.